DIREITOS DE AUTORIA

È proibida a reprodução, cedência, difusão , distribuiçã0, armazenagem ou modificação, total ou parcial, por qualquer forma ou meio eletrónico, mecânico ou fotográfico dos conteúdos aqui publicados, sem o autêntico consentimento prévio e expresso da autora. Excetuam-se desta interdição os usos autorizados pela legislação aplicável, nomeadamente o direito de citação, desde que claramente identificada a autoria e a origem, com link respetivo, prática usada neste espaço.
~~~~~~
*** Note que em poesia, o 'sujeito poético ou lírico' não tem que ser o 'sujeito autoral', mesmo que o texto expresse a 1ª pessoa do singular.***

Seguidores

segunda-feira, 4 de outubro de 2021

~~ DESPEDIDA NO OUTONO ~~

  


🍁🍁
  

* * * * * *

Pela janela aberta

avisto o  altivo astro-rei

espreitando entre nuvens,

totalmente alheio

às tristezas da humanidade.

Sorri-me amorosamente,

acaricia-me a pele

que mima com o seu calor.

Surpreende-me assim

nas varandas,

no campo, praia ou parque.

**

Sinto-o comovido e feliz

como noivo a quem o destino

proporcionou um

adeus bem prolongado.

Fico sempre emocionada,

sei de sua constância e desvelo,

jamais me faltará.

Voltará ainda mais brilhante

para tornar os meus dias

auspiciosos e felizes,

tempo que desejo melhor.

 **

Entretanto, afastamo-nos.

Já sinto falta do seu beijo

ao acordar-me.

Será uma ausência plena de

recordações ardentes,

infinita saudade

num desejo intenso

de reencontro.

*****

MajoDutra

Poster de Jan Christopher Becke

35 comentários:

  1. E o Outono entra discreto, sereno... às vezes, ainda deixa que o Sol rompa as nuvens... mas enche-nos de cores quentes...
    Lindo...
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  2. O sol sempre encanta e aquece nossos dias e ainda ilumina nossos caminhos!
    Adorei tua poesia!
    beijos, linda semana,chica

    ResponderEliminar
  3. Confesso que gosto do Outono. A sua serenidade, o cair das folhas, a libertação das nuvens, o amor do arco-íris, tudo o que envolve a natureza, me encanta. Amei o poema. Lindíssimo.
    .
    Uma semana feliz … cumprimentos
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderEliminar
  4. Una estación especial. Con matices y colores sublimes.
    Un bello texto. Un abrazo.

    ResponderEliminar
  5. Olá, amiga Majo!
    Imagens sublimes! Onde o Outono se estende poderoso pelas manhãs, onde as folhas caem cansadas das árvores, descansando por fim, do calor de um Verão escaldante, dormindo o seu sono outonal.
    Vídeo lindíssimo! Que muito apreciei.

    Parabéns, minha amiga!
    Votos de uma excelente semana!
    Beijinhos, de carinho e amizade.

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderEliminar
  6. Belas palavras!

    O sol voltará todos os dias. Com mais ou menos ímpeto, mas está à nossa espera para o saborearmos.

    Beijos e boa semana!

    ResponderEliminar
  7. bela homenagem ao outono Majo
    que bonita estação, muito aconchegante, com os raios do sol muito luminosos
    e ainda quentinhos! muito bem representado no poema!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Outono: um lugar breve. O rosto em sobressalto, o corpo vulnerável à lentidão do sol. A chuva, um pretexto que se adivinha. O outono a tornar-se cada vez mais cor de mel. O seu poema a lembrar-nos que o sol brilhará sempre como um reencontro marcado. Gostei imenso.
    Cuide-se bem, minha Amiga Majo.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  9. Muito belo, amiga! A infinita saudade sempre torna mais intenso o desejo do reencontro, grande verdade. Muito belas, também, a imagem e a música de Cortazar; sou um fã incondicional. Meu abraço, boa semana.

    ResponderEliminar
  10. Un bonito homenaje de reencuentro con ese sol de una estación preciosa como es el Otoño.
    Un abrazo,Majo.

    ResponderEliminar
  11. Uauuuuu!!!!
    Poema esmerado e brilhante e porque não dizer romântico!
    Belíssimo minha amiga
    Maravilhada com o seu poetar
    Beijinhos e muitos abraços

    ResponderEliminar
  12. Um poema bem bonito, tão lindo quanto o Outono... Inspiração maravilhosa, Majo.
    Um doce abraço... Muita paz e força dos Céus...

    ResponderEliminar
  13. Bello Otoño, como tu poema amiga. Saludos

    ResponderEliminar
  14. A poesia e a paisagem de cada estação, trazem diversos encantamentos e diversas saudades. Cada tempo com sua peculiar inspiração.

    Um grande abraço.
    Leia mais em nosso Blog: https://www.aponarte.com.br

    ResponderEliminar
  15. El otoño regresó y en sus brazos nos arrulló, aun quedan buenos días de sol disfrutemos de ellos. La nueva primavera no está tan lejana.
    Un hermoso poema con nostalgia de un verano pasado y un amor al otoño.
    Un abrazo y buen resto de semana Majo.

    ResponderEliminar
  16. Precioso poema Majo, desde ya te sigo.
    Beso grande y que tengas un excelente día.

    ResponderEliminar
  17. Adoro o Outono e gosto da mensagem poética! Boa semana!

    ResponderEliminar
  18. Bello y melancólico poema. Me gusta el otoño. Te mando un beso

    ResponderEliminar
  19. Que lindo Majo.
    Este é um daqueles que a agente diz que Deus colocou sua mão sobre a mão do poeta.
    Que linda despedida romântica, que por momento vi um Romeu e uma Julieta em despedida, mas o Sol os olhou e assumiu a cena belamente com seus raios dourados, dizendo uma até logo.
    Ficam as saudades, as lembranças aquecidas Majo.
    Aplaudo amiga a beleza e elegância deste momento poesia.
    Beijo e paz

    ResponderEliminar
  20. Linda poesia, meus parabéns.

    Arthur Claro
    http://www.arthur-claro.blogspot.com

    ResponderEliminar
  21. É um imenso prazer vir aqui e ler a sua belíssima poesia, Majo
    Parabéns, também, pelo seu bom gosto musical.
    Um carinhoso abraço
    Verena.

    ResponderEliminar
  22. Olá, amiga Majo!
    Passando por aqui, relendo este excelente poema que muito gostei, e desejar uma boa noite e continuação de ótima semana.
    Beijinhos com carinho e amizade.

    Mário Margaride

    http://poesiaaquiesta.blogspot.com

    ResponderEliminar
  23. Precioso poema. No conocía tu blog, me quedo de seguidora y te invito a que te pases por el mío si te apetece.
    Un fuerte abrazo y feliz día.

    ResponderEliminar
  24. Belíssimas fotos.
    E um magnífico poema. Gostei imenso.
    Bom fim de semana, amiga Majo.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  25. A mi me gusta mucho el otoño.
    Un placer tus letras.
    Un abrazo. Felices días.

    ResponderEliminar
  26. Que poema más bello, con versos muy líricos hacia este otoño de momento tan soleado.
    Hermosas y románticas escenas pintas con tus palabras.
    Me encantó leerlo Majo.
    Un abrazo y buen fin de semana.

    ResponderEliminar
  27. Um poema lindíssimo. Só somos debaixo do Sol. Sem ele tudo se apagaria. Propalemos a sua energia vital, sem perversões nem engodos. Numa só frase: só o amor vale a pena.
    Um abraço.

    ResponderEliminar
  28. Great article. I followed your blog now. Thx

    ResponderEliminar
  29. Olá Querida Amiga Majo,
    Extraordinário este seu poema, adoro o seu cuidado nas palavras, gostei muito!!!
    Que continue a correr tudo bem.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  30. «A distância faz ao amor aquilo que o vento faz ao fogo:
    apaga o pequeno, inflama o grande»
    DE BUSSY-RABUTIN

    POETAS OU AMIGOS DE POESIA,

    AGRADEÇO DE 💛 A VOSSA PARTICIPAÇÃO NO MEU 'BLOG'.

    A CADA UM, O MEU SENTIDO ABRAÇO DE AGRADECIMENTO

    E DE ÓTIMA E RISONHA AMIZADE... DIAS DE PAZ E LUZ.

    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
  31. Apetece escrever sobre o teu poema para receber beijos do sol ao acordar.

    Grande inspiração, querida amiga Majo!

    Amo o outono inflamado.

    Beijo.

    ResponderEliminar

~~~~~~~ 💛 ESTIMADO LEITOR 💛 ~~
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
~~~ Depois de colocar o seu comentário,
~~~~~~ aceda a «mensagem antiga»
~~~ e leia a que habitualmente lhe deixo.
~~~~~ ~ ~ ~ ~ Muito obrigada... ~ ~ ~ ~
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~-~~~~~